Cerveja de Abadia Val-Diue: O vale de Deus

A Expedição Cervejeira Bélgica 2018 foi hoje a região da Valônia na cidade de Aubel visitar a Cervejaria Val-Diue.

A Val-Diue é uma cerveja de abadia localizada no “Vale de Deus” um verdadeiro pedaço do paraíso na terra.

Paisagens de tirar o folego e a rica história do lugar impressionam deste o primeiro instante.

Cerveja de Abadia Val-Diue - em frente a abadia

A Abadia Val-Diue

A visita a Abadia é algo extraordinário, iniciando pela igreja que apesar de muito imponente possui um interior bastante simples, pois essa é uma das regras do “Livro de Regras da Abadia” – Viver com muita simplicidade.

Cerveja de Abadia Val-Diue - parte interna da abadia igreja

Interior da igreja da Abadia Val-Diue

Partes deste livro de regras foram lidas em vários momentos da visitação.

A visita continua pelas galerias internas da Abadia e também por pequenas capelas ou salões que compõem a rica e histórica construção do Século 16′.

Cerveja de Abadia Val-Diue galerias internas

Galerias da Abadia Val-Diue

Um lugar mágico foi a sala de refeições dos monges, onde os expedicionários puderam sentar na cadeira utilizada pelos monges em suas humildes refeições e ouvir histórias da tradição do lugar e do hábito dos monges.

Cerveja de Abadia Val-Diue sala de refeicoes dos monges

Sala de refeições dos monges da Abadia Val-Diue

Após a visita na cervejaria houve uma degustação em uma sala com teto baixo com abóbodas construídas com madeira e pedras que lembravam uma antiga taberna, uma experiência inesquecível.

O almoço dos expedicionários foi no restaurante da Abadia, lugar único onde a comida e a cerveja são degustados em harmonização com a história do lugar, todos estavam extasiados com o ambiente.

Cerveja de Abadia Val-Diue: O mosteiro

A Abadia da ordem cisterciense “Notre Dame du Val-Dieu” foi fundada em 1216 por monges de Hoch, perto de Maastricht.

De acordo com a lenda, o vale desabitado em que se estabeleceram era tão hostil e pantanoso que a população local o chamava de “o vale do diabo”.

Os monges o renomearam para “Vale de Deus” ou “Val-Dieu” em francês, que mais tarde deu seu nome à Abadia.

A Abadia de Val-Dieu é a única abadia belga que sobreviveu à Revolução Francesa, durante esta revolução Napoleão Bonaparte mandou destruir todas as igrejas.

Cerveja de Abadia Val-Diue

Abadia Val-Diue

Hoje, a Abadia ainda está ocupada pela comunidade Cristã de Val-Dieu, que está ligada à Ordem Cisterciense.

As cervejas atualmente fabricadas dentro dos muros da Abadia, encontram sua origem na receita tradicional transmitida pelos monges da abadia cisterciense de Val-Dieu.

Historicamente, as ordens cistercienses eram conhecidas como cervejarias que produziam cervejas de muita qualidade, os monges cervejeiros tinha muito talento.

O desenvolvimento da atividade de fabricação de cerveja foi inicialmente vinculado à necessidade de beber a água potável, visto que na fabricação da cerveja o mosto é fervido.

Esta fervura fazia com que a ingestão de cerveja evita-se doenças comuns da época como a disenteria, cólera e febre tifoide.

Durante séculos, os monges estudaram leveduras e fermentações.

Eles transformaram a produção de cerveja em uma ciência, criando receitas especiais cada vez mais elaboradas e sofisticadas.

As cervejas atualmente fabricadas no Val-Dieu são inspiradas nas receitas tradicionais dos monge-cervejeiros, leais à tradição das cervejas serem refermentadas na garrafa.

Cervejas de Val-Dieu são verdadeiras cervejas de uma original Abadia Belga, elaboradas sem adição de aromas nem especiarias e de acordo com o antigo método de infusão.

Cerveja de Abadia Val-Diue: Os segredos da cervejaria

Os segredos da cervejaria são a sua água e sua levedura.

Na verdade, a água vem da barragem de Gileppe, que é uma fonte de água de excelente qualidade.

Algumas dessas fontes locais são conhecidas no mundo inteiro, como Spa, Bru e Chaudfontaine, todas localizadas próximas a cervejaria, aproximadamente 30 quilômetros de Val-Dieu.

Quanto ao fermento, o mesmo é composto de fungos (Saccharomyces cerevisiae), muito benéficos para o corpo humano.

Esta levedura é rica em vitamina B e minerais e é um poderoso antioxidante.

No respeito total da tradição original, o processo de produção de nossas cervejas dura de 6 a 8 semanas.

É assim que obtemos este alto teor de álcool:

  • 6% para a cerveja Blond, 8% para Brown, 9% para o Triple e os aromas complexos que caracterizam as cervejas Val-Dieu.

A Cerveja de Abadia Val-Dieu é autentica, pois é a única verdadeira cerveja de uma abadia belga – 100% fabricada dentro dos muros de uma abadia em funcionamento.

Cerveja de Abadia Val-Diue em frente a cervejaria

Abadia Val-Diue

Cerveja de Abadia Val-Diue: Os anéis

Desde as suas origens em 1216, a Abadia de Val-Dieu é simbolizada por dois anéis e o lema “In Vinculo Pacis

Esta frase latina significa “Vínculo da Paz” e lembra-nos constantemente que se estamos ligados e vivendo com humildade então estamos no caminho da felicidade.

Tenha muita doçura e paciência, conviva com os outros com amor, assegure-se de preservar a unidade do espírito através do “Vínculo da Paz

“In Vinculo Pacis” é alcançado através da paz com Deus, a paz com o próximo e a paz consigo mesmo.

Os dois anéis são encontrados em toda a Abadia – paredes, piso, janelas, cadeiras, portas, lareiras etc.

Também podemos encontrá-los no fundo dos rótulos da cerveja Val-Dieu.

Expedição Cervejeira Bélgica

Quer conhecer o paraíso? O Vale de Deus na Bélgica e degustar as cervejas de Abadia da Val-Diue?

Clique aqui e cadastre seu e-mail para receber informações sobre nossas próximas expedições cervejeiras.

Cerveja de Abadia Val-Diue

Expedição Cervejeira Bélgica 2018

Expedição Cervejeira Bélgica 2018